Mensagem para George Harrison
Discografia Brasileira
Discos no Mundo
Raridades em estéreo
Curiosidades Fonográficas
Instrumentos
Os Livros
Entrevistas
George Martin no Brasil
Vídeos

CLIQUE NOS ÍCONES ACIMA PARA ACESSAR A REDE

OU VOLTE AO INÍCIO

INSTRUMENTOS

 

 

   Os Beatles e suas guitarras (e baterias!)

Os Instrumentos que criaram um Sonho.


Oitava parte - 1967

   

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

   124 - Mellotron:

Acabamento: madeira natural
Modelo: Mark II
Início de Uso: Agosto de 1965
Fim de Uso: 1967, após as sessões de Sgt. Pepper's.
Características: Precursor dos atuais teclados "sampleados", o mellotron possuía uma biblioteca de fitas pré gravadas, liberadas por cada uma de suas teclas. Podia-se obter sons de cordas e metais, seções rítmicas ou até passagens musicais inteiras (apesar do som produzido durar apenas 10 segundos).
Destino: Foi leiloado recentemente e parece ter sido Paul o comprador".


    John estava buscando novos timbres para as gravações do grupo. Ele caiu de amores por este precursor dos "samplers", ao ver a versão Inglesa do teclado americano Chamberlin. Em 1964 eles eram fabricados na Inglaterra, com o nome Mellotron. Em 12 de Agosto de 1965, John comprou o instrumento.

    Mas ele não usou o instrumento até Novembro de 1966, quando começaram a gravar Strawberry Fields Forever.

    Logo uma legião de músicos seria novamente influenciada pelo som dos Beatles, após esta primeira gravação com o instrumento ser lançada, com sua inesquecível abertura com sons de "flautas". Em seguida será usado em Only A Northern Song e Flying>

    John foi o primeiro músico Inglês a comprar um mellotron. Logo os discos dos Moddy Blues e do King Crimson trariam o novo som. Seu preço era proibitivo para a maioria dos "mortais": £ 1.000 (£ 11.500 em valores atuais).

  

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

  125 - Lowrey DSO Heritage Deluxe:

Dono: Estúdios de Abbey Road
Início de Uso (com os Beatles): Março de 1967
Fim de Uso (com os Beatles): Janeiro de 1969
Característica: teclado com um naipe de sons pré-gravados, tipo harpsichord, vibraharp, guitarra e "music box".
Destino: Durante o projeto Get Back / Let It Be este teclado foi levado para os estúdios da Apple e nunca se soube do seu paradeiro após este período".

 

    Paul tocou os acordes da abertura de Lucy in the Sky With Diamonds usando este teclado, gerando um som único, inusitado.

    Não se sabe ao certo em quais outras gravações do grupo ele foi usado, mas com certeza fez-se presente nas gravações do disco Get Back, nos estúdios da Apple.

   

__________________________________________________________

.

 

Acima, John faz uso do Selmer, com ajuda de Mal Evans. A Epiphone de George está apoiada atrás do amplificador.

 

Ao lado Paul usa sua Fender Squier com o Selmer. A Casino também estava sendo testada.

 

 

 

 

   126 - Amplificador Selmer Zodiac Twin 50 Mark II:

Dono: Paul
Início de Uso: Março de 1967
Fim de Uso: Abril de 1967
Potência: 50 Watts
Alto-Falantes: Dois Goodmans de 12"

 

    Paul passou a usar muito suas guitarras nas gravações de Pepper's e usou um novo amplificador para enriquecer o som..

    De fabricação Inglesa, este robusto amplificador possuía botões pré-programados de controle de tons, bem como velocidade e profundidade, para uso com o "tremolo". 

    Não se sabe do paradeiro deste amplificador.

   

    .

__________________________________________________________

 

.

 

.

 

 

    127 - Epiphone Casino:

Acabamento: sunburst, com a cor variando do cafè nas bordas até caramelo no centro do instrumento.
Modelo: ES-230TD
Captadores: dois captadores Humbucking P-90
Alavanca: sim, modelo Bigsby B7
Início de Uso: Dezembro de 1964
Fim de Uso: Agosto de 1969, nas sessões do disco Abbey Road
Características: Guitarra elétrica de de corpo oco, com tampo de bordo (maple) laminado, fundo e laterais de mogo (mahogany), escala em jacarandá (rosewood), aberturas em "f", escudo branco, com paleta ainda com desenho "Gibson", bastante semelhante à Gibson ES-330. 
Destino: Paul possui esta guitarra até hoje, usando-a regularmente em seus discos.

 

   
     Durante as gravações do novo disco, Paul solou em Being for the Benefit of Mr Kite e Good Morning, Good Morning. Uma das guitarras testadas foi a sua "velha" Casino.

    A Casino de Paul pode ser vista ao lado e abaixo, sendo usada em gravações de 1967, não só de Sgt. Pepper's mas também de Magical Mystery Tour.



   
.

.
__________________________________________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   128 - Amplificadores Fender Bassman 6G6-B:

Donos: John e George
Início de Uso: Junho de 1966
Fim de Uso: Ao final das sessões do White Album, em 1968
Potência: 50 Watts
Alto-Falantes: Dois JBL D130F de 12"

 

      John e George continuaram com os Fender Bassman durante as gravações de Sgt.Pepper's e Magical Mystery Tour. Gostaram muito, pois eram amplificadores pequenos e possantes. Testaram agora a versão com acabamento caramelo.

      O preço destes amplificadores foi de £ 235 (£ 2.540 em valores atuais).

      A foto abaixo mostra John usando sua Epiphone já com a traseira pintada. E o Bassman ao fundo.

.

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

 

    129 - Epiphone Casino:

Acabamento: sunburst
Captadores: dois captadores Humbucking P-90
Alavanca:
não
Início de Uso:
Fevereiro de 1965
Fim de Uso: Fevereiro de 1967, quando sofreria sua primeira modificação
Características: Guitarra elétrica de de corpo oco, com tampo de bordo (maple) laminado, fundo e laterais de mogo (mahogany), escala em jacarandá (rosewood), aberturas em "f", escudo branco, com cavalete modelo trapézio e um singular botão de seleção de captadores rodeado por um anel de borracha preto. 
Destino: John usou esta guitarra até as sessões de Sgt Pepper's, quando fez suas primeiras "reformas"

.

    John manteve praticamente todas as características originais da guitarra, apenas fazendo um "acabamento" na parte traseira do instrumento, incluindo paleta e braço.

    Ela foi amplamente usada nas gravações de Pepper's, mas não foi a guitarra exclusiva de John, como muitos pensavam. Foi usada em Sgt. Pepper's, With A Little Help From My Friends, When I'm Sixty-Four, It's All Too Much e Sgt. Pepper's Reprise..

.

.
__________________________________________________________

.

 

 

 

    128 - Amplificadores Vox UL730:

Donos: John e George
Início de Uso: Janeiro de 1967
Fim de Uso: Final das gravações do Magical Mystery Tour
Potência: 120 Watts
Alto-Falantes: Dois "Silver Alnico" Celestion, de 12"

  

    Com sua peculiar seção modular pré-amplificador solid-state e um amplificador valvulado de saída, a Vox caminhava para adotar o solid-state também na Inglaterra (cono a fábrica americana já fazia desde 1966).

   
    Os Beatles se beneficiaram desta arrancada tecnológica e traziam as inovações para seus discos. John e George continuaram usando estes amplificadores "híbridos" durante o ano de 1967, em especial nas gravações do Sgt. Pepper's.

    .

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

 

     129 - Epiphone Casino:

Acabamento: sunburst fireglo
Captadores: dois captadores Humbucking P-90
Alavanca:
sim, modelo Bigsby B7
Início de Uso: Fevereiro de 1965
Fim de Uso: Abril de 1968, quando George rasparia sua pintura, deixando a madeira "respirar"
Características: Guitarra elétrica de de corpo oco, com tampo de bordo (maple) laminado, fundo e laterais de mogo (mahogany), escala em jacarandá (rosewood), aberturas em "f", escudo branco, assim como o modelo de John. Mas as semelhanças paravam aí: a Casino de George tinha alavanca Bigsby e o botão de seleção de captadores era dourado, como em todos os outros modelos da fábrica. George logo tiraria o escudo. O som dela também era bastante redondo, graças ao corpo oco. A paleta igualmente tinha o desenho característico da Epiphone
Destino: George usou esta guitarra até as sessões do White Album, quando fez sua "reforma"

 

    George usou a Casino nas seguintes gravações do Sgt. Pepper's: Good Morning Good Morning, It's All Too Much e Sgt. Pepper's Reprise.

    No single Hello Goodbye foi a escolhida.

.

__________________________________________________________

 

.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    130 - Pedal Vox Prototype Grey Metal :

Donos: John e George
Início de Uso: Janeiro de 1967 (?)
Fim de Uso: Novembro de 1967.

    A Vox começou a fazer pesquisas para um pedal Wah-Wah em 1966. O protótipo logo estava nas mãos dos Beatles, que curtiraram com o novo brinquedinho durante o ano de 1967. .

    Na foto abaixo podem ser vistos dois pedais junto do arsenal Beatle em 1967: amplificador Fender "Showman", a Epiphone Casino de Paul, o "Jumbo" de George, etc....

   

.

__________________________________________________________

.

 

    131 - Violão Gibson Jumbo

Acabamento: sunburst
Modelo: J-160E
Captadores: um
Início de Uso: Setembro de 1962
Fim de Uso: Abril de 1968
Características: Violão acústico/elétrico.  O tampo era de
compensado laminado (plywood), e o fundo e as laterais
em mogno (mahogany). O captador ficava originalmente
junto ao braço.
Destino: Numa entrevista em 1976, George disse que deu este violão. Só isso

 

      George usou seu Gibson para as partes acústicas de Lovely Rita, do novo disco, Sgt.Pepper's.

      As gravações de The Fool On The Hill também contaram com o violão de George.

 

.
__________________________________________________________

 

 

.

 

 

    132 - Violão Gibson Jumbo

Acabamento: sunburst
Modelo: J-160E
Captadores: um
Início de Uso: Setembro de 1964
Fim de Uso: Agosto de 1967, quando sofreu a primeira grande reforma
Características: Violão acústico/elétrico.  O tampo era de
compensado laminado (plywood), e o fundo e as laterais
em mogno (mahogany). O captador ficava originalmente
junto ao braço. Era exatamente igual ao roubado em Dezembro de 1963. A única diferença eram dois círculos brancos ao redor da boca, ao invés de um no modelo original.
Destino: Este violão, de propriedade de Yoko Ono, está em exibição no Rock and Roll Hall of Fame, de Cleveland

 

    John usou seu violão em todas as passagens acústicas do Sgt.Pepper's, como Strawberry Fields Forever, Penny Lane, Lovely Rita, All Together Now e A Day in the Life.

    Logo após estas sessões de gravação ele faria uma lamentável reforma no instrumento.

.
__________________________________________________________

 

.

 

    133 - Fender Stratocaster:

Acabamento: azul claro.
Modelo: Sonic Blue
Captadores: três captadores Fender single-coil
Alavanca: sim, modelo Fender
Início de Uso: Fevereiro de 1965
Fim de Uso: Abril de 1967
Características: Fabricada em 1961, a famosa Strat finalmente tornava-se um "instrumento Beatle". Seu corpo, feito de amieiro (alder), tinha acabamento "azul pálido", que não era muito comum, escala em jacarandá, com escudo branco.
Destino: John usou esta guitarra até as sessões de Sgt Pepper's. Depois pode-se vê-la nas gravações do disco Imagine, com George tocando slide com ela. Acredita-se que esteja na casa de John até hoje

 

      John estava testando todos novos timbres possíveis para o disco. Por isso, a sua Fender era uma escolha natural. A "velha" Rickenbacker estava datada demais. Testou-a em Getting Better e Sgt. Pepper's.

       A última gravação dos Beatles em que John usou esta guitarra foi em Hello Goodbye.

;
__________________________________________________________
 

.

 

 

    134 - Fender Stratocaster:

Acabamento: "psychedelic".
Modelo: Sonic Blue
Captadores: três captadores Fender single-coil
Alavanca: sim, modelo Fender
Início de Uso: Abril de 1967
Fim de Uso: Agosto de 1969, quando foi novamente reformada
Características: Fabricada em 1961, como o modelo de John, também tinha o corpo feito de amieiro (alder), escala em jacarandá, com escudo branco. O acabamento original, "azul pálido", logo foi alterado por George, que disse "se os carros, as casa e as roupas estão ficando coloridos, por que não as guitarras também?"
Destino: Esta guitarra está até hoje na casa de George

 

    George chamou sua nova "criação" de Rocky. Foi usada nas gravações do Sgt. Pepper's: Strawberry Fields Forever, Penny Lane, With A Little Help From My Friends, Lucy in the Sky With Diamonds, Fixing a Hole e Lovely Rita.

    No disco Magical Mystery Tour foi usada nas músicas Magical Mystery Tour, Flying, Your Mother Should Know e I Am the Walrus.

    Também usou no EP inédito em Baby You're A Rich Man.

    Nas fotos ao lado e abaixo, a guitarra está com a pintura psicodélica, mas ainda sem as pinturas finais que George fará em 1969.

   

.
__________________________________________________________

 

.

 

 

    135 - Fender Esquire:

Acabamento: sunburst
Captadores: um captador single-coil
Alavanca: não
Início de Uso: Março de 1967
Fim de Uso: Outubro de 1968
Características: primeira guitarra feita por Leo Fender, tinha corpo sólido todo em freixo (ash), escala em jacarandá (rosewood), modelo que deu origem Telecaster, que era equipada com dois captadores. Teve as cordas invertidas para Paul poder tocar. A presilha da correia também foi deslocada para permitir o uso por um canhoto.
Destino: Após as sessões de gravação do White Album, a guitarra sai de cena.

 

    Paul também testava vários timbres para "colorir" seus solos de guitarra. Este modelo foi o escolhido.

    Foi usada em Sgt. Pepper's, Getting Better, Being for the Benefit of... e Good Morning, Good Morning.

 

  

;
__________________________________________________________

.

 

 

    136 - Guild Starfire-125:

Acabamento: vermelho cereja.
Modelo: XII
Captadores: dois captadores De Armond Standard
Início de Uso: Agosto de 1966
Fim de Uso: Março de 1967
Características: Único modelo de 12 cordas feito pela Guild, especialmente para ser presenteado aos Beatles. Guitarra de corpo semi-oco, com tampo, fundo e laterais de mogno (mahogany) laminado, escala em jacarandá (rosewood), duas aberturas em "f" estilo "neo-clássico" e cavalete "Guild Harp". 
Destino: Após as gravações de Sgt. Pepper's esta guitarra sumiu, indo parar (não se sabe como), nas mãos do ex-marido de Yoko Ono, Tony Cox. Ele vendou o instrumento para o Hard Rock Café do Havaí.

 

    A Guild queria fazer uma guitarra que fosse a cara dos Beatles, para presenteá-los e capitalizar na divulgação. Montaram um modelo de 12 cordas exclusivo, pois sabiam do amor do grupo pelo som das 12 cordas.

    Mas a entrega desta guitarra foi a maior "gafe" do século. Mark Dronge, filho do fundador da fábrica contratou um fotógrafo para documentar o momento da entrega. Ele caminhou até a mesa do grupo, na coletiva para imprensa no Hotel Warwick, em Nova Iorque, no dia 22 de Agosto. Passou na frente de George, que estava pronto para receber mais uma 12 cordas para sua coleção, e entregou-a para John!

    George ficou sem graça e Dronge, apenas depois da mancada é que foi saber que quem usava as guitarras de 12 cordas no grupo não era Lennon. Tarde demais.
A decepção de George fica evidente na foto.

    A única gravação conhecida em que esta guitarra foi usada é Getting Better.

 

    Na foto ao lado, de 1968, John está em sua casa e a Guild aparece no chão.

 

 

   .    
__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

 

 

   137 - "Gaitas Baixos":

 

    Durante as gravações do Sgt. Pepper's os Beatles usaram todo o tipo de instrumentos que estivesse ao alcance.

   Para as "colagens" de Being For the Benefit of Mr Kite, John e George usaram grandes orgãos de boca, na verdade "Gaitas Baixo", produzidas pela Hohner.

    Elas só produzem som ao serem sopradas.

;

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   138 - Rickenbacker:

Acabamento: fireglo (sunburst vermelho)
Modelo: 4001S
Captadores: dois captadores, um Toaster Top e um Horseshoe
Início de Uso: Novembro de 1965
Fim de Uso: SJunho de 1967, quando foi reformado, na mesma época que John e George reformaram suas Epiphones
Características: baixo construído em 1964, de corpo maciço, todo em bordo (maple) e escala em jacarandá (rosewood)
Destino: Paul possui este baixo até hoje.

 

    Durante as gravações do Sgt. Pepper's o baixo ainda estava com seu acabamento original. Mas quando estavam no processo criativo de All You Need Is Love o instrumento foi "reformado".

    Paul usaria este baixo durante todas as gravações do Sgt. Pepper's, do Magical Mystery Tour e dos singles lançados em 1967.

    Nas duas fotos vemos o cabeçote do Vox 430.

;

;
__________________________________________________________
 

   139 - Gibson SG Standard:

Acabamento: vermelho cereja
Captadores: dois captadores Gibson Humbucking
Alavanca: sim, modelo Maestro Vibrola
Início de Uso: Abril de 1966
Fim de Uso: Outubro de 1968
Características: belo modelo de corpo sólido, todo em mogno (mahogany), com escala em jacarandá (rosewood), ferragens niqueladas, com sustain e "ataque" perfeitos, graças aos possantes captadores.
Destino: George usou esta guitarra até o final das sessões do White Album. Em 1969, ele deu a guitarra para o grupo Badfinger. Peter Ham ficou com ela até morrer, em 1974. Seu irmão, John Ham guardou-a até 2001, quando emprestou o instrumento para exibição no Rock and Roll Hall of Fame

 

      George usou sua SG na música Sgt. Pepper's..., por causa de seu som "rasgado", perfeito para a abertura do disco.

.
__________________________________________________________

 

Acima John em seu estúdio com o Jumbo. Atrás de sua perna está a Rickenbacker 1996.

 

   140 - Violão Gibson Jumbo

Acabamento: sunburst
Modelo: J-160E
Captadores: um
Início de Uso: Agosto de 1967
Fim de Uso: Abril de 1968, quando vai sofrer sua última e derradeira reforma
Características: Violão acústico/elétrico.  O tampo era de
compensado laminado (plywood), e o fundo e as laterais
em mogno (mahogany). O captador que ficava originalmente junto ao braço foi deslocado para a boca do instrumento. Era exatamente igual ao roubado em Dezembro de 1963. A única diferença eram dois círculos brancos ao redor da boca, ao invés de um no modelo original.
Destino: Este violão, de propriedade de Yoko Ono, está em exibição no Rock and Roll Hall of Fame, de Cleveland.

      
      Por causa das "substâncias psicodélicas" que estava ingerindo, John resolve reformar seu velho Jumbo. Foi totalmente pintado com motivos "de sonho". Foi usado em Magical Mystery Tour e Flying.

.

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   141 - Epiphone Casino:

Acabamento: sunburst
Captadores: dois captadores Humbucking P-90
Alavanca:
não
Início de Uso:
Fevereiro de 1965
Fim de Uso: Fevereiro de 1967, quando sofreria sua primeira modificação
Características: Guitarra elétrica de de corpo oco, com tampo de bordo (maple) laminado, fundo e laterais de mogo (mahogany), escala em jacarandá (rosewood), aberturas em "f", escudo branco, com cavalete modelo trapézio e um singular botão de seleção de captadores rodeado por um anel de borracha preto. 
Destino: John usou esta guitarra até as sessões de Sgt Pepper's, quando fez suas primeiras "reformas"

 

    Durante as filmagens do programa Our World, onde os Beatles iam ser aparecer tocando ao vivo a música All You Need Is Love, George estava com sua Fender Rocky.

    Mas durante a gravação da base da música, que seria usada na transmissão e na gravação oficial dos Beatles, ele usou a Casino de John.

    O fato curioso é que John, ao retirar o escudo da guitarra, nem se deu ao trabalho de remover a haste de sustentação do mesmo.

    Na foto abaixo pode-se ver o "spray" que John usou para enfeitar a traseira de sua guitarra.

.

 

.
__________________________________________________________

 

 

.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   142 - Amplificadores Vox Defiant:

Donos: John e George
Início de Uso: Abril de 1967
Fim de Uso: Final das gravações do Magical Mystery Tour
Potência: 100 Watts
Alto-Falantes: Dois, de 12" e uma corneta Midax

   
    A Vox apresentou um novo amplificador para os Beatles, agora "solid-state", para uso em estúdio. Continuava com os efeitos de tremolo, reverb, distortion e Mid Range Boost (MRB).

    Os Beatles usaram pouco este amplificador em suas gravações de 1967, mas ficaram famosos no clip de Hello Goodbye, onde os cabeçotes foram usados por John e George em cima de gabinetes do modelo 730.

   .

__________________________________________________________

.

;

 

 

 

 

 

 

   143 - Bateria Ludwig:

Acabamento: "Black Oyster Pearl"
Modelo: Downbeat
Início de Uso: Novembro de 1965
Fim de Uso: Julho de 1968
Destino: Ringo possui esta bateria até hoje.

Logo original: "Love"
Peles: Ludwig "Weather Master"
Bumbo: 22"x 14"
Surdo: 16"x 16"
Tom-tom: 13"x 9 "
Caixa: 14"x 5 - Jazz Festival"
Ride: Zildjian Avedis 20"
Crash: Zildjian Avedis 18"
Hi-Hat: Zildjian Avedis 14"

 

    Essa pele foi especialmente pintada para a apresentação de All You Need Is Love no evento Our World, a primeira transmissão mundial de TV por satélite. Foi usada na primeira bateria Ludwig de bumbo 22".

    Curiosamente, nesse evento ela não foi montada na bateria, tendo sido apenas encostada na frente na hora da transmissão. Ela ainda aparece em I'm The Walrus no filme Magical Mystery Tour e no clip de Hey Bulldog.

.

__________________________________________________________

.

 

   144 - Clavioline:

Dono: Olympic Studios
Início de Uso: Maio de 1967
Fim de Uso: Maio de 1967
Características: instrumento eletrônico Francês, com um pequeno teclado. Possuía um vibrato embutido, acionado durante a execução. Era monofônico, sendo um predecessor dos sintetizadores. Tinha também uma caixa separada com amplificador e alto-falante.

 

    Quando chegaram no Olympic Studios, para gravar Baby You're A Rich Man, os Beatles encontraram este pequeno teclado. Logo John colocou as mãos nele e tocou os acordes da introdução, que com o som distinto deste instrumento, ficou perfeita.

 

 

__________________________________________________________

.

.

 

 

 

 

 

 

   145 - Ramirez:

Acabamento: madeira natural
Modelo: Segovia
Início de Uso: Fevereiro de 1964
Fim de Uso: Setembro de 1967
Características: violão clássico, de fabricação espanhola, com tampo em cedro vermelho (red cedar), fundo e laterais de jacarandá (rosewood), escala em ébano (ebony), com encordoamento de nylon.
Destino: Depois de 1967 pouco se ouviu falar deste violão, mas acredita-se que esteja até hoje com Yoko.

 

    John usou seu Segovia para gravar as belas passagens acústicas de The Fool On The Hill.

 

.

__________________________________________________________

;

 

 

 

 

   146 - Martin:

Acabamento: acabamento em madeira natural.
Modelo: D-28
Início de Uso: Novembro de 1967
Fim de Uso: Setembro de 1969
Características: violão totalmente acústico, com tampo em abeto (spruce), laterais e fundo em jacarandá (rosewood), assim como a escala. Um escudo preto é o único adorno do instrumento. 
Destino: Após as gravações de Abbey Road não se soube o paradeiro deste violão". Provavelmente está na casa de John até hoje.

 

    Assim que veio da reforma, o velho Jumbo de John estava com seu som totalmente alterado. A pintura abafou muito a sonoridade. Por isso, John apressou-se em comprar um novo instrumento.

    O escolhido foi este fino violão americano, que seria o seu preferido até o final das gravações com os Beatles.

__________________________________________________________

.

 

 

 

 

   147 - Vox Kensington:

Acabamento: mogno marrom-escuro.
Modelo: Protótipo
Captadores: dois captadores De Armond Standard
Início de Uso: Setembro de 1967
Fim de Uso: Novembro de 1967
Características: A Vox criou dois protótipos desta guitarra de corpo oco todo em mogno (mahogany), escala em jacarandá (rosewood), abertura em "f" estilo "neo-clásico", e um foi entregue aos Beatles. 
Destino: Após as filmagens do promo de Hello Goodbye esta guitarra sumiu. Mas agora em 18 de Maio de 2013, um leilão na Julien’s Auctions espera arrecadar entre 200 e 300 mil dólares no instrumento. Qual dos dois protótipos está à venda?

 

    Para as filmagens do promo de Hello Goodbye John foi fotografado usando a guitarra na terceira seqüência do promo, mas apareceu com seu violão Martin D-28 na definitiva.

    Durante os ensaios da filmagem da sequência de I Am The Walrus, George foi visto usando esta guitarra. A foto abaixo comprova o uso. Mas na hora da tomada definitiva, ele preferiu sua Fender.

 

__________________________________________________________

Visite as outras páginas...

As páginas são atualizadas regularmente e novos instrumentos ou fotos são adicionados!

 

Home  1956-1959  1960  1961-1962  1963  1964 1965  1966  1968  1969  1970